segunda-feira, 9 de janeiro de 2012

coisas que incomodam...

A distinção que os jornalistas fazem entre ricos e pobres, entre prestigiados dirigentes e a arraia miúda é sintomática do preconceito que existe transversalmente na sociedade portuguesa. Incomoda-me que Francisco Leitão seja o "Rei Ghob" ou que Manuel Godinho seja "O sucateiro". Este tratamento não está relacionado com questões jornalísticas, mas com preconceito social. Caso contrário chamariam "robaleiro" a Armando Vara ou "porto-riquenho" a Dias Loureiro. O jornalismo ao serviço dos poderosos e do estigma social.

3 comentários:

Carlos Azevedo disse...

Subscrevo.
Abraço.

Fernando Lopes disse...

Tu hoje estás com uma capacidade de síntese, que pu..-que-pariu! ;)

Carlos Azevedo disse...

Time is money, como diria o fdp dos pentelhos! ;-)

Enviar um comentário

A minha alegria são os teus comentários. Simples ou elaborada a tua opinião conta. Faz-te ouvir! Comenta!